Rede Asta inaugura novo espaço e apresenta estratégia para fortalecer a economia do feito à mão no Brasil

07 de fevereiro de 2018


Nesta quarta-feira, 7, a Rede Asta inaugurou um novo espaço colaborativo da economia do feito à mão e um novo modelo de atuação. O espaço contará com um laboratório de inovação e desenvolvimento de produtos da Rede Asta, um local para oficinas ministradas por artesãs e uma loja colaborativa dos negócios produtivos artesanais.

Com 13 anos de experiência, o negócio social passa a focar em transformar artesãs em empreendedoras e resíduos em novos produtos (upcycling). Para isso, fazem a ponte entre empresas que geram resíduos a uma rede de artesãs de todo o Brasil. Para as artesãs, também há uma novidade: uma plataforma online com conteúdos desenvolvidos especialmente para a realidade dos negócios produtivos artesanais.

O novo modelo será apresentado no novo endereço da Rede Asta em Laranjeiras.

A Rede Asta foi fundada em 2005 por Alice Freitas e Rachel Schettino com a missão de empoderar artesãs de áreas vulneráveis do Rio de Janeiro. Desde então o projeto cresceu, se espalhou pelo Brasil, já beneficiou 1.500 pessoas diretamente e transformou 4 toneladas de resíduos em produtos feitos à mão.

Serviço:
Inauguração do Espaço Asta
Quarta-feira,7 de fevereiro – 18h

rede asta, rio de janeiro, artesas

Artesãs Regina e Lu Caetano, do grupo produtivo Fios Coloridos, confeccionando bilboquês para coleção infantil da Rede Asta

Sigam @cariocadna no Instagram

Comentários no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>


Web development Somar
|
Design Radiográfico