E se, em vez de usar tinta acrílica, aquarela ou guache, você produzisse a sua própria tinta e, depois, fizesse arte com ela? Pois bem: isso é mais do que possível, é super sustentável e garante diversão desde o começo do processo. Tintas naturais não são algo recente. Pelo contrário: já tem pelo menos 5000 anos que elas são usadas pela humanidade e, mesmo que as tintas químicas tenham dominado o mercado, cada vez mais adeptos dessa técnica vem surgindo.

Tintas Naturais

Pra fazer tinta natural você pode usar nozes, cascas, raíxes, frutas, pétalas, madeira, folhas, terra e até insetos. Trata-se de misturas que usam desses compostos orgânicos misturados com moléculas de carbono e hidrogênio ou oxigênio. Claro: o processo é muito menos tóxico do que o usado na indústria têxtil, por exemplo, e não são emitidos efluentes químicos como corantes sintéticos, por exemplo.

Tintas Naturais

Tudo isso pra dizer que na próxima quarta, dia 29, vai rolar um aulão aberto lá na Horta Comunitária do Cosme Velho sobre esse processo de criar tintas naturais. O material usado pra dar a cor vai ser a terra e quem vai estar por trás das técnicas é o pessoal da ONG Sustentarte, que é focada em levar o tema da sustentabilidade pro cotidiano das pessoas usando, principalmente, da educação e da arte para isso. “Acreditamos que para educar é necessário encantar e a arte é o melhor caminho para esse encantamento”, eles dizem.

Tintas Naturais

A aula é aberta a todos (olha que dica linda pra levar a criançada que está de férias e louca de vontade de fazer coisas diferentes!). É só mandar um email para [email protected] para se inscrever. Vão estar presentes os alunos do curso de Bioconstrução, que a ONG regularmente promove, e eles estarão finalizando o processo de criação de placas para serem usadas na Horta Comunitária- tudo, tudinho, super sustentável!

O seu endereço de e-mail não será publicado.